Infeção VIH em Pediatria: Presente, (passado) e FUTURO

 A pandemia da infeção VIH surge no início da década de 80 rodeada de medo, estigma e discriminação. Desde essa altura estimam-se a nível global cerca de 77 milhões de infetados, dos quais cerca de 3,3 milhões de crianças ainda vivem com a infeção.

O Hospital Dona Estefânia teve desde o início um papel pioneiro e primordial no seguimento das crianças infetadas. Com a evolução do conhecimento os doentes mais antigos foram tendo alta para consulta de adultos e as crianças e jovens em seguimento atual estão na sua maioria assintomáticos e com opções de tratamento cada vez mais simplificado.

Pretende-se uma reunião transversal em que juntamos os profissionais que seguem estes doentes,  enquanto pediatras e médicos de adultos, de modo a criar uma ponte de união neste trajeto, que nos é comum e que numa discussão conjunta tenhamos uma oportunidade de encarar com otimismo o presente que é afinal já o nosso futuro.